Lugares para passar o Réveillon

Tá a fim de bater uma trip em mares nunca dantes navegados? Segue então nossas dicas de onde passar o Réveillon de acordo com sua vibe!

 

Pros amantes de farra

Morro de São Paulo – BA

O Morro de São Paulo, apesar do nome da capital paulista, fica numa das ilhas mais tops do Réveillon nordestino, localizada no município de Cairu, na Bahia. Tudo acontece à beira-mar: queima de fogos de 15 minutos, à la Copacabana, cercada de restaurantes que oferecem ceias deliciosas (a preços acessíveis), tudo com o pé na areia e luaus que vão do axé, samba, MPB e até música eletrônica.

 

Balneário Camburiú – SC

No litoral norte do estado de Santa Catarina, o município litorâneo de Balneário Camburiú possui verdadeiros paraísos tropicais. Na virada do ano, é na Praia Central que acontece a comemoração oficial da chegada do ano novo, com uma incrível queima de fogos pelos seus 7km de extensão. Há também opções bem legais para famílias com crianças, como o Parque Unipraias, onde um bondinho liga a Praia Central à Praia de Laranjeiras. Um passeio que vale a pena!

 

 

Pra fugir da bagunça

Arcádia Mineira – MG

A pousada Arcádia Mineira fica em uma bela casa do século XVIII, bem no centro de Ouro Preto, em Minas Gerais. Conta com diversão pra todas as idades, com direito a piscina, sauna, churrasqueira, tudo isso num canto suave pra você ficar na sua, sem se preocupar com barulheira de fogos. Aproveite para conhecer as maravilhas naturais e o centro histórico da cidade.  😉

 

Ouro Preto é uma cidade bastante sossegada para parrar o Réveillon
Ouro Preto é uma cidade bastante sossegada para parrar o Réveillon (Foto: Shutterstock)

 

 

Ilha do Cardoso – SP

Quer encontrar golfinhos e ficar em praias desertas? Pra entrar na ilha, só de barco através do município de Cananeia, sul do estado de São Paulo. O local é perfeito para turistas aventureiros, mas também agrada aqueles mais tranquilos e caseiros. Na Ilha do Cardoso, você vai encontrar a praia do Marujá e a do Pereirinha. Ambas amplas e desertas! Para ir de uma praia a outra, use bicicleta ou faça trilhas em meio à natureza, com direito a mata reservada.

 

btn_veja-mais